Solidão é tão prejudicial como fumar 15 cigarros por dia

É justo dizer que sentires-te sozinho não é, grande parte das vezes, um bom sentimento. Por muito que as pessoas tentem mostrar o contrário, ninguém consegue viver sozinho e todos precisamos de alguém.

Agora, um estudo recente comprovou que a solidão pode trazer mazelas quer em termos físicos, quer em termos mentais, ao ponto de conseguir fazer tão mal como fumar quinze cigarros por dia…

De acordo com um estudo no Reino Unido levado a cabo por Jo Cox, a solidão traz uma série de efeitos nocivos para o corpo humano. O estudo permitiu concluir que um alarmante número de pessoas no Reino Unido sofre de solidão e que a mesma acaba por ter impacto no seu corpo e saúde mental.

No fundo, estar cortado de qualquer interacção social pode levar a depressão e de acordo com o que foi reportado, a falta de estímulos mentais nesse sentido pode mesmo fazer com que algumas pessoas cheguem a desenvolver demência. Para além disso, as pessoas nesta circunstância têm uma taxa de mortalidade acrescida em cerca de 26%, para além de terem mais hipóteses de sofrerem com problemas de tensão e obesidade.

Surpreendidos?